domingo, 15 de novembro de 2009

A patética ajuda da mídia


Alguns leitores do blog estão atentos ao papel vergonhoso da mídia em tentar proteger seu candidato à presidência no acidente do Rodoanel. Apontam, no post abaixo, que a barafunda de informação chega ao ponto de apontar responsabilidade na falta de engenheiros civis (!!!), chegam a colocar o nome PAC na obra tucana.

Hoje, a edição dominical da Folha faz manchete e dedica vasto espaço para gritar que o número de blecautes cresceu 29% no país em 2009. Oh! Como é difícil viver sem um competente gestor tucano no poder. Oh! Oh! E a mídia vem nos salvar, apurando a “verdade”, mesmo que tenha para isso que colocar escondido, lá pelo final dos vários textos, a explicação óbvia que foi neste último ano que foram incluídos ao sistema interligado os estados do Acre e Rondônia, com linhas novas e no meio da rainforest.

Já sobre o Roubanel, o destaque vai para a voz firme do governador, que fala duro sobre a apuração do acidente. Deveriam ter perguntado ao José Serra se este também não era um acidente previsível, tal como ele disse sobre o acidente da TAM, culpando o governo federal. Afinal, o jornal enfim publica a informação, já conhecida antes do acidente, que auditoria do TCU em 2007 e 2008 constatou várias irregularidades na obra. Entre elas, a de que as empreiteiras responsáveis pelo Rodoanel mudaram o material descrito em contrato e optaram por vigas pré-moldadas a fim de baratear o custo dos viadutos, incluindo o trecho sul, onde as vigas despencaram. O governador não sabia? Se sabia, o que fez?

Será que isso não valeria a manchete? Não. Escolheram esquentar o assunto “apagão”. E no texto principal do Roubanel ainda colocaram uma frase que parece retirada de algum panfleto de propaganda: “O Rodoanel é a maior obra viária do país. Deve retirar da cidade até 500 mil caminhões por mês.” Oh! Que coisa enorme! Será uma maravilha, se os 500 mil caminhões não caírem na cabeça dos paulistas.

10 comentários:

Na Ilharga disse...

A canahice da Folha não é novidade, embora deva sempre ser ressaltada. O que é estranho é o cavalheirismo do TCU, apenas "recomendando" ao governo paulista tomar providências contra a má condução da obra.
Ah, se fosse obra do PAC. Os demoministros já teriam embargado e feito um estardalhaço a respeito do superfaturamento da obra.

Abobrinhas Psicodélicas disse...

Está aumentando o número de vítimas das grandes obras do tucanato paulista: primeiro o metrô, agora o Rodoanel... Qual será a próxima? Este deve ser o tal do "choque de gestão" que esta corja tanto exalta! O engraçado é que a culpa é sempre dos engenheiros, das empreiteiras, do material de má-qualidade... Estas empresas devem ser contratadas por algum E.T., já que a "FSP" (ou seria "FDP")procura omitir quem está por trás destas contratações... Enfim, essa putada teve pouco tempo para comemorar o "Apagão"...

Abraços.

Humberto Carvalho Jr. disse...

Para o Partido da Imprensa Golpista (PIG), a tragédia do Rodoanel, em São Paulo, ocorrida na última sexta-feira (13), não passou de um fato de má sorte comum a data. Ao menos, é assim que deveríamos entender o acidente se acompanharmos o raciocínio dos donos da mídia.

Contudo, tantos critérios de noticibilidade evidentes no caso não foram suficiente para ganhar as manchetes dos principais jornais do país. Na capa do maior diário paulista, Folha de S. Paulo, apesar da fotografia da cena do crime em primeiro plano, o apagão foi que ganhou destaque em letras (quase) garrafais.

Publiquei, hoje, um artigo sobre este mesmo assuntono weblog Imprensa Marginal. E, agora, acbo me batendo com este artigo pra lá de bacana.

Caso não se importe, vou colocar o link de sua página em meu blog:

http://imprensamarginal.blogspot.com/

Abraços!

infinitoaldoluiz disse...

Caro Jurandir, (...) seguem a cartilha que lhes é enviada de fora para dentro pela Nova Ordem Mundial escravagista (sempre em nova embalagem) à qual professam sonambúlica fé e religiosidade. Adaptam às circunstâncias locais sua conduta sempre de acordo com as determinações já aceitas em paradigmas tradicionais para encurtar o caminho da cooptação dos novatos. Pregam-lhes a “divina” imutabilidade da existência do sistema que lhes garantirá o enriquecimento perene.

Sinto muito, sou grato

Observatório Eleitoral disse...

Oi, Jurandir e Kelly.

Passa lá no www.observatorioeleitoral.com.br

É um projeto meu como pesquisador e "marketeiro eleitoral / digital" de algumas campanhas, de oferecer um local na blogosfera paraense que trate só de política eleitoral. O Observatório espera poder oferecer informações sempre imparciais sobre o que os veículos e blogueiros paraenses e outras feras brasileiras falam sobre esses temas. Também vêm coisas interessantes da Carta Capital, da Veja, Uol, Terra, dos sites dos partidos, ..., artigos de cientistas políticos e pesquisadores, notícias do TSE/TRE, dados estatísticos e históricos de campanhas eleitorais e pesquisas, dentre outros conteúdos.

Espero que gostem. Críticas e sugestões são sempre muito bem vindas.

Peço sua gentileza de publicar no seu blog e colocar lá um link do "Observatório Eleitoral", ok?

Valeu, pessoal.

Abraço forte e muito obrigado.

Observatório Eleitoral
Luiz Paulo Lopes

Nelson disse...

Um comentário no Nassif traduz meu pensamento sobre isto:


Elaine disse: 12/11/2009 às 10:11

"Eu acho que a Itália já deu pitacos demais em meu país. Eu acho que o STF do Gilmar Dantas já foi longe demais. Eu acho que a imprensa deste país está por fora de tudo. Eu acho que os jornalistas globais deste país passaram da hora de ser enquadrados pelo governo federal, assim como fez Obama com a Fox. Eu acho que tá faltando a este governo pulso firme para lidar com golpistas. Eu acho que este governo tá pecando em deixarmos nós blogueiros aqui defendendo ele, quando a imprensa e seus jornalistas o atacam de forma estarrecedora, criminosa, através de concessão pública. Eu já até começo a lavar as mãos para tudo, pela falta de energia deste governo em combater com coragem tanto golpistas como a imprensa, golpistas como Gilmar Dantas, golpistas como jornalistas globais.
Que no ano que vem tome posse o Presidente eleito José Serra, com a ajuda de todos os golpistas que este governo covardemente insiste em não enfrentar. Dá nos nervos, cansa ficar assistindo a falta de pulso firme deste governo, todo mundo manda neles, o Gilmar Dantas chama o Lula às falas e Lula não faz nada, Protógenes – homem honesto e digno - foi afastado da PF junto com o Dr. Paulo Lacerda. Já o Daniel Dantas tá soltinho, junto com os criminosos da Daslu e demais criminosos de colarinho branco.
Chega, cansei de ser massacrada todos os dias, de ser oprimida por estes jornalistas pela forma que estes trogloditas colocam a informação, partidários, ignorando nossas experiências, ignorando tudo. Ou o governo federal toma uma postura de gente, do jeito que está tá difícil, já vimos que outros Presidentes de outros países já tomaram posturas mais firmes com os golpistas: Cristina (da Argentina), Hugo Chaves (Venezuela), Obama (EUA).
O que este governo tem de rabo preso com a rede globo? Encheu o saco, meu – os caras tomam porradas todos os dias, nós aqui indiretamente somos humilhados todos os dias, e o governo não reage, tá morto.
Nassif, desculpa o desabafo, mas tá difícil para ficar com o estomago doendo todos os dias com a imprensa deste país, que usa de uma concessão pública, para aplicar golpe contra o povo brasileiro, e quando vejo o governo federal morto nisso tudo, nem sinto mais vontade nenhuma de defendê-lo.
Então vai ficar assim : Enem, CPI (um monte foi instalada no governo federal), enquanto em SP nunca se conseguiu instalar uma, umazinha sequer, cadê o direito da minoria? A oposição utilizou deste recurso para abrir tantas CPIs contra o governo federal, e em SP, silencio, Zé Serra caga na boca de todo mundo, o tal do Apagão, que pra mim isso tem dedo de PSDB e DEM, e mesmo se não tiver, cadê o Lula e a Dilma para vir a público, mostrar os investimentos, mostrar ao povo brasileiro as manipulações que são feitas na imprensa.
Pelo silencio do governo federal, que venha José Serra.
Quem não faz – toma !"

Adriano Alves Pinto disse...

E a comparação, em destaque, entre as casas do CDHU e do Governo Federal em SP que saiu na Folha de domingo? É muita panfletagem.

Remindo disse...

Quando vi a capa da Folha achei que fosse chamada para o filme 2012. Mas, em São Paulo, a realidade supera a ficção.

Anônimo disse...

Bundão Canalha: a culpa disso tudo
de quem é? Não sabe? Pois eu digo!
É du Bundão do LULA que morre de /
mêdo do Plim-Plim e do PIG! Se êle
usasse sua autoridade de Presiden-
te eleito, êsses abusos do PIG re-
duzir-se-íam muito! Más êle é apá-
tico e "quem cala, consente".Daí..

Jurandir Paulo disse...

Caro Anônimo, quando que basta para as elites a autoridade de presidente eleito? Está aí o Zelaya para mostrar seus limites. Bundão por bundão, é bom lembrar que nenhuma mudança na ordem burguesa aconteceu apenas pelo voto. Sempre foi preciso o povo gritar e se mobilizar, em vez de ficar cuspindo bravatas. Agora mesmo, para a próxima Conferência de Comunicação, vamos ver quem vai pousar o bundão e quem vai partir pra luta. Não se briga com essa gente apenas na canetada.