domingo, 23 de novembro de 2008

O moderno José Serra


Como o governador José Serra é um homem à frente de seu tempo. Descobriu que o grande negócio do momento é a indústria automobilística. Imagina que ela está bombando em todo o planeta. E há muito espaço nas ruas para mais carros. Basta circular pela capital de seu estado para constatar.

Depois de ajudar a indústria automobilística paulista com crédito, fez acordo para a construção de mais uma indústria, em Piracicaba, da coreana Hyundai. Para quem não lembra, é a dona da Ásia Motors, empresa que assinou acordo com o governo FHC para a construção de uma fábrica em Camaçari, na Bahia. Fernando Henrique e Antônio Carlos Magalhães estiveram presentes na solenidade de lançamento da pedra fundamental. Nada foi construído e durante um bom tempo a Ásia Motors se valeu do acordo para a isenção de 50% na importação de veículos. Mais de 70 mil Topics e outros modelos encheram nossas ruas, gerando uma dívida hoje de mais de um bilhão em impostos não recolhidos e uma enorme batalha judicial, que envolve a empresa coreana e seus sócios brasileiros.

Serra pouco liga para os fatos. Imagina mais empregos, impostos, se dessa vez os coreanos cumprirem o acordo. E tome mais carros, mesmo que eles não possam circular nas inchadas cidades. É a visão tucana de planejamento. E o metrô de São Paulo? Necessidade de proletas. Que esperem o momento para comprar seus carrinhos.

4 comentários:

O Argonauta disse...

E os sábios tucanos - que sob a liderança do "gênio da raça" FHC quase quebraram este país - ainda têm a cara-de-pau de querer mostrar ao Lula como se deve governar o país... As declarações que o FCH deu ontem sobre a postura do governo diante da crise financeira são de um cinismo irritante!Afinal, o seu modelo de gestão de crises demonstrou-se muito "eficaz" diante da crise asiática... Não é à toa que, mesmo nunca tendo lucrado tanto como nos dias atuais , os banqueiros estão loucos para ver a tucanada de volta ao planalto!

Jurandir Paulo disse...

Cara Argonauta, a cara-de-pau do "professor" FHC não tem tamanho. Depois que suas teses neoliberais foram para o esgoto no planeta, deveria se recolher a sua insignificância histórica e evitar falar mais bobagens. Não é por menos que os tucanos evitam de todo o jeito que ele suba em palanque. Sua farsa já é mais do que conhecida.

romério rômulo disse...

jurandir:
o tal de serra é um grande oportunista.
um abraço.
romério

Júlio Pegna disse...

Óleo de Peroba na cara de Zé Serra!
O filho de uma égua 'não sabe mais o que fazer prá ser eleito presidente ... vai entupir as ruas de carro, depois despeja um rodízio de placa par/impar na cabeça do paulistano ... além do pedágio na marginal ...

Ele não perde por esperar: depenar tucano é meu esporte predileto!
grande abraço!