quinta-feira, 7 de maio de 2009

Onde foi parar a gripe suína?


E o showrnalismo sobre a gripe suína foi pro ralo. Já sumiu das primeiras páginas. Qual será o próximo enredo de terror? Façam suas apostas.

[Post estilo Twitter. Exatos 140 caracteres. Ainda não peguei gosto pela coisa, mas gosto de minimalismos. Menos é mais.]

A imagem é do Pig, el hombre cerdo, que peguei no Desculpe a Poeira, que pegou no Brunoise, que pegou no Mundo Bocado.

8 comentários:

Fábio disse...

Cara, jornalismo vive de novelas. Depois do Caso Isabella, precisava de mais alguma novidade. Semana que vem teremos uma outra novela. Espero que não seja remake.

Fábio disse...

Cara, jornalismo vive de novelas. Depois do Caso Isabella, precisava de mais alguma novidade. Semana que vem teremos uma outra novela. Espero que não seja remake.

Lingua de Trapo disse...

Ontem, fui chamado de desinformado num buteco por um certo cidadão quando comentava sobre os índices "alarmantes" e "pandêmicos" da gripe do porco, pobre porco. Disse ele que eu estava por fora, pois não assistia à GloboNews e nem ao Jornal Nacional.

Parei, pensei, levantei a cabeça e pedi uma cachaça e um tiragosto ao dono do boteco. Deixei prá lá.

Cristiano Freitas disse...

Até quando a "pauta" do Jornalão Nacional", vai ditar os rumos das conversas de buteco?
Eu não aguentava mais ouvir falar de passagens aéreas.

Vendedor de Bananas disse...

o Brasil confirmou seus primeiros casos para felicidade de Boris Casoy e sua gangue.

Rc disse...

Será que algum jornalão, preocupado com a saúde do brasileiro, vai publicar quantas pessoas morrem de gripe comum no Brasil, todos os anos? E de malária?

Anônimo disse...

Que bom q alguns pensam como eu. Essa gripe é um baita fake. Vai morre mais gente por ataque de tubarão q de gripe suína esse ano no Brasil.

Jurandir Paulo disse...

E continua o showrnalismo. Querem de todo o jeito fazer vítimas no Brasil.